Antes / De mãe para mãe

5 dicas para evitar o inchaço na gravidez Veja como amenizar o desconforto do fim da gestação Carol Baggio

24 de outubro de 2013

5 dicas para evitar o inchaço na gravidez

Pés e pernas pesados são comuns no terceiro trimestre da gestação!

Não tem jeito, vai chegando o fim dos nove meses de espera e é super normal acontecer o tal inchaço na gravidez. Os edemas surgem, em geral, nos membros inferiores (pernas e pés), que acumulam líquido e ficam doloridos, causando um desconforto danado às futuras mamães – principalmente a partir do sétimo mês (terceiro trimestre).

Para quem passa o finzinho da gestação no período do verão, o calor acaba sendo ainda mais cruel, pois favorece o inchaço. Pensando nos meses de altas temperaturas que estão por vir, nós separamos 5 dicas para diminuir o inchaço na gravidez. São opções naturais e simples de fazer, que você pode incorporar no dia a dia:

1. Diminua o consumo do sal - o sal é um dos vilões da alimentação quando pensamos na retenção de líquido do corpo, e como consequência, dos inchaços. Por isso, evite usá-lo, ou, se não for possível ficar sem, ao menos busque reduzir a quantidade ingerida diariamente.

2.  Faça acompanhamento no ganho de peso – é claro que haverá ganho de peso durante a gravidez, mas é bastante importante acompanhar, mês a mês, o quanto você está engordando. Isso porque o aumento exagerado também é um dos fatores que contribui para o inchaço do corpo. Uma alimentação balanceada ajuda, em muito, a equilibrar a balança (se for o caso, a ajuda de um nutricionista é bastante útil!).

3. Pratique algum tipo de atividade física – manter o corpo em movimento é sempre bom, e durante a gravidez não é diferente. Ninguém precisa sair por aí querendo correr maratona, mas pequenas caminhadas ou atividades na água são ótimas opções para evitar o inchaço. A hidroginástica é super indicada por favorecer a diurese (você faz mais xixi e incha menos). Ioga na gestação também é ótimo, e ainda promove uma conexão deliciosa com o bebê.

4. Beba muuuita água – líquidos em geral são bem-vindos, mas nada substitui a boa e refrescante água. Apesar do incômodo de querer ir muitas vezes ao dia ao banheiro, beber muita água é importantíssimo para hidratar.

5. Mantenha as pernas pra cima – elevar as pernas na hora de dormir (ou várias vezes, ao longo do dia, caso você tenha disponibilidade) ajuda a evitar o acúmulo do líquido nas pernas e pés, pelo simples princípio da Lei da Gravidade. Outra dica é evitar ficar muitas horas na mesma posição, como por exemplo sentada no computador, pois isso também prejudica a circulação e promove inchaço.

As dicas acima não tem contraindicação se a gravidez estiver caminhando bem, mas lembre-se: se o desconforto com os edemas for muito grande ou se você começar a sentir formigamento nos membros, é fundamental que converse com seu médico e relate o que está sentindo.

E caso você se sinta muito redonda no fim da gestação, não entre em pânico: o corpo da mulher passa mesmo por diferentes modelos em cada estágio da vida, como bem lembrou a Milene Massucato!

;)

autor_carol.jpg

Jornalista de Campinas que, apesar de morar desde 2002 em São Paulo, continua puxando o erre. Carol Baggio vive de dieta e adora protetor solar com base. Libriana, acha que é uma pessoa um pouco indecisa, talvez. “Amasiada” com o André, mãe da Nina e autora do blog Nina Ensina.

Deixe o seu Comentário



Editoriais em Destaque

Socorro, meu filho não quer fazer inalação!

20 de dezembro de 2013

Essa hora costuma ser traumática? Então, dê uma olhadinha em nossas sugestões

20 formas de usar o lenço umedecido

4 de novembro de 2013

As funções desse produto vão muito além da higiene do bebê. Você vai se surpreender

Dentinhos nascendo: saiba como aliviar os sintomas

21 de outubro de 2013

Mães dão dicas preciosas para você passar ilesa por essa fase

Amamentação: somos mais que um par de peitos

2 de dezembro de 2013

No momento mais sensível, temos que tomar uma decisão: amamentar ou não

Galeria Mulher e Mãe