Maternidade Real / Sempre

Uma aprendiz… "Mas, crescer não é fácil, ser mulher não é fácil! Parece que existe toda uma pressão para que você seja quem você quiser..." Loreta Berezutchi

19 de abril de 2013

Uma aprendiz…

A foto é da Melissa Haidar, que é mamãe de um garotão de 4 anos, chamado Ian.

Desde menina eu sempre quis ser mulher, vivia observando a minha mãe com seus cremes, maquiagens, sapatos de salto e acessórios.

Eu fui crescendo e planejando pra mim um futuro todo lindo, todo perfeito, todo cheio de certezas, sucessos e alegrias…

Mas, crescer não é fácil, ser mulher não é fácil! Parece que existe toda uma pressão para que você seja quem você quiser mas, ainda atenda ás expectativas que todos colocaram em cima de você.

Você precisa ser livre, inteligente, decidida, forte, linda e magra e ao mesmo tempo a filha perfeita do seu pai, a irmã compreensiva, a amiga querida, a esposa amorosa…

Ser mulher é ter vários papéis e eu achei que o meu melhor papel seria o de ser MÃE.

Resolvi que já era hora de mudar de fase no joguinho da vida e quis ser mãe mas, a vida não quis assim!

Minha trajetória pela maternidade começou com dois abortos, que ensinaram lições difíceis e dolorosas porém, necessárias.

A primeira lição foi: ser fiel a mim mesma, ser quem eu sou sem medo de desapontar ou frustrar as expectativas que todos tinham sobre mim.

Com esta lição aprendida e a serenidade que sempre vem depois de um temporal, a vida me presenteou com um filho lindo.

Antes do Pedro nascer, eu comecei de novo a traçar planos, objetivos e tinha certeza absoluta que eu ia tirar de letra, que eu seria a melhor mãe do mundo! Ahamm…

Acontece que ninguém está preparado para ser mãe até que se torne uma, a verdade é que eu não sabia de nada, e mesmo lendo esta overdose de informações que hoje temos acesso a maternidade é sempre individual de cada mulher, e cada uma faz o melhor que pode.

Eu fui aprendendo, sofrendo e fazendo sofrer (confesso) e achei que já estava tudo certo quando me vi grávida de novo!

Mãe de segunda viagem eu já sabia exatamente o que funcionava, o que não funcionava, o que eu precisava, o que não… ahammm….

A Catarina veio e me mostrou que a maternidade também é individual para cada filho, oras, cada filho é único não é?

O que funciona pra um, pode não funcionar para o outro e então, eu entendi que o meu verdadeiro papel nesta vida de mulher e mãe é o de aprendiz.

Sou aprendiz dos meus filhos, aprendiz de mim mesma, aprendiz da vida, joguei fora todos os planos, métodos, manuais e guias e descobri que o melhor guia da minha vida é o meu amor.

Meu amor pelos meus filhos, meu amor por mim mesma, meu amor por aprender, observar, conhecer…

E é com este espírito que eu vou estar por aqui, compartilhando e aprendendo junto todas as faces loucas da maternidade, da mulherzice, da meninice, dedescobrir quem eu sou e o que eu quero pra mim como MULHER e MÃE.

Muito prazer, eu sou a Loreta ;)

Deixe o seu Comentário



Editoriais em Destaque

Mães conectadas

27 de maio de 2013

A maternidade é um momento de descobertas e as vezes, de solidão. Os grupos maternos da internet dão dicas e apoio para as mulheres neste momento tão especial. Venha conhecer alguns grupos bacanas!

Livros Infantis para pais e filhos

29 de janeiro de 2013

Livros infantis estimulam a imaginação e são uma excelente atividade para pais e filhos.

Dicas de vídeos para as crianças

4 de março de 2013

As maiores especialistas no assunto (as mães) contam pra nós quais são os vídeos prediletos dos pequeninos e o resultado é uma lista que garante a diversão da meninada.

Passeio escolar

22 de abril de 2013

Você deixa seu filho participar do passeio escolar com tranquilidade?

Galeria Mulher e Mãe