Antes / De mãe para mãe

O que levamos deste ano que passou? O ano termina... E começa outra vez Helena Dias

20 de dezembro de 2013

O que levamos deste ano que passou?

Agradeça, agradeça e agradeça.

Estava aqui pensando em quando chega esta época do ano e todo mundo começa a estabelecer metas e e promessas para o novo ano. É claro que eu também faço isso. E é claro que perder uns quilinhos está sempre dentro da meta. Mas desta vez, resolvi pensar em tudo que cumpri em 2013. Pra mim, esse ano foi totalmente intenso, nas lágrimas e nas alegrias, por milhares de motivos que incluem (ou não) a maternidade.

Independentemente da sua religião, do que você acredita, uma coisa é fato: acaba um ano, acaba um ciclo. Você já pensou em quantas coisas deixou inacabadas? Decisões que resolveu deixar para depois? Então, termine-as! A hora é agora… Ainda há tempo. Vamos começar um 2014 mais bem resolvidas, confiantes, mais NÓS MESMAS!

Se em 2012 me dissessem que em 2014 eu estaria como estou agora, eu ia dizer que é piada. Engraçado como seguimos caminhos que não imaginamos, não é? Me propus a fazer algumas coisas. Muitas delas eu cumpri, me superei. Em outras, tive muita ajuda lá de cima e isso me faz agradecer todos os dias. Aliás, isso é outra coisa que às vezes esquecemos: agradecer! E claro, tem coisas que eu não consegui fazer, mas está aí um novo ano pra lembrar a gente que nunca é tarde.

Este ano, eu aprendi efetivamente a ser mãe: aprendi o que é sentir saudades, o que é vencer a exaustão, o que é de fato a preocupação, e o principal, o que me motiva mais do que nunca: o amor! Nada compete com a força de uma mãe. Nada nem ninguém. E quando vocês se sentirem aflitas, pensem nisso, nesse terremoto que está dentro de vocês.

Bem… Relembrar, Agradecer… E TER FÉ! É só dela que a gente precisa… Porque a força, se não tínhamos, chegou com a maternidade. É sempre bom lembrar que tem gente lá em cima olhando pela gente… Por que nós olhamos pelos filhos.

Quem 2014 seja um ano melhor que todos na vida de vocês, assim como eu quero que seja na minha. E eu não desejo que aconteça tudo de bom, não… Eu desejo que vocês tenham determinação pra ir atrás!

Em 2014, estarei aqui com vocês, compartilhando as dores e as delícias de ser mãe nos dias de hoje!

Beijos.

helena.jpg

Helena Dias é jornalista e mãe de primeira viagem. Junto a maternidade, descobriu a delícia de planejar festas e caçar tendências por aí. Vive na correria e seu passatempo favorito é apertar as bochechas do Benício. Mãe coruja, mantém o instagram @corujicess, onde compartilha as descobertas do filhote.

Deixe o seu Comentário


  • Edna Maria

    Em 2013, exatamente no último dia do ano, descobri que vou ser mamãe.Uma série de questionamentos, dúvidas, receios vieram à tona com a notícia. Mãe de primeira viagem, sem nenhum sobrinho ou afilhado, ainda estou cheia de medos, inseguranças e dúvidas. Mas a certeza que tenho e que me fortalece é que me sinto infinitamente abençoada por Deus, pois gerar um ser dentro de si é algo divino. Que em 2014 eu possa ter uma gestação tranquila e que Deus me dê forças e sabedoria para cuidar do meu bebê.


Editoriais em Destaque

20 formas de usar o lenço umedecido

4 de novembro de 2013

As funções desse produto vão muito além da higiene do bebê. Você vai se surpreender

Livros Infantis para pais e filhos

29 de janeiro de 2013

Livros infantis estimulam a imaginação e são uma excelente atividade para pais e filhos.

Mensalão: entenda de forma fácil esse escândalo

4 de julho de 2013

Um texto feito para você compreender o cenário político do país onde criamos nossos filhos

Estou grávida

30 de janeiro de 2013

Um par de sapatinhos entregue cuidadosamente para o pai é a cena que representa o momento do "estou grávida". Mas, na vida real a coisa é um pouquinho diferente e pra ser sincera é bem mais legal! Conheça a

Galeria Mulher e Mãe