De mãe para mãe / Depois

A Semana Mundial do Brincar A edição 2013 do evento está no ar! Carol Baggio

22 de maio de 2013

A Semana Mundial do Brincar

De bola, de bicicleta ou de pipa... brincar é sempre importante!!!

Até hoje carrego nos joelhos as marcas de uma infância cheia de brincadeiras. Na rua em que eu morava em Campinas a gente pintava o sete. Fazíamos pista de bike, descíamos a rua com carrinho de rolemã (daí as cicatrizes na perna! rsss), empinávamos pipa, jogávamos futebol e vôlei. As tardes de sábado e domingo eram pura diversão, numa época em que era possível brincar livremente – fora dos condomínios e do mundo cercado de hoje. Me lembro de almoçar com meus avós e depois só vê-los no fim do dia, na hora de dizer tchau. Minha vó sempre dizia “menina rueira, não para em casa”, e eu sabia que ela tinha razão!

Hoje, olhando para minha filha neste exato momento em que ela brinca sozinha na sala do nosso apartamento, fico imaginando como será a vida dela e do Bento neste mundo tão sem liberdade. Pelo menos aqui onde eu moro é praticamente impossível que ela brinque na rua – aliás, é uma avenida, que sobe e desce ônibus o dia todo. Sem contar o medo de assalto, da violência… Quem aí ainda mora em cidade pequena, daquelas que a gente pode andar de bicicleta e desenhar amarelinha no asfalto?!

Bom, num lugar como São Paulo a dinâmica do brincar mudou, mas acredito que, ainda assim, as brincadeiras têm papel fundamental para as crianças. Imaginar e criar fazem parte da infância… E pensar sobre o brincar também! Muitos ‘adultos’ se esquecem do valor deste momento lúdico para os pequenos, ou pior, perdem a chance de ‘retornar’ à infância participando de brincadeiras com seus filhos – quem nunca respondeu “agora não posso”, “estou ocupada” ou “você não vê que estou trabalhando” após um convite do filho pra sentar no chão da sala com uma porção de bonecos, que atire a primeira pedra…

Por isso eu achei super bacana a ideia da Semana Mundial do Brincar proposta pela Aliança pela infância, que começou no dia 19 e vai até dia 26, no próximo domingo. São inúmeras ações que estimulam o brincar entre pais e filhos (a Troca de Histórias, a Feira de Troca de Brinquedos, A carta para o futuro do seu filho e A chance de levar seu filho para brincar de algo diferente) e que priorizam o pensar lúdico. O interessante é que todas as ações sejam registradas, por textos, fotos ou vídeos – ou tudo junto! – para que virem uma grande corrente pela infância. Para saber mais detalhes e participar, visitem o site do evento.

Agora eu vou acabar o texto por aqui, porque tenho um castelinho para fazer e uma comida “muito gostosa, mamãe” para experimentar. Sim, porque seja na rua ou no apartamento, o brincar junto com a filha é sempre gostoso! Alguém discorda?!

Deixe o seu Comentário



Editoriais em Destaque

Conselhos para quem vai ter um bebê

25 de fevereiro de 2013

A primeira viagem de uma mãe é inesquecível, mas ela é sempre envolvida por amor, dúvidas e um bocadinho de ansiedade. Então, para te ajudar, perguntamos para algumas mamães que já estão na estrada, que conselhos elas dariam. Vamos?

Ano novo: o que desejamos para nossos filhos em 2014

16 de dezembro de 2013

Confira a lista de pedidos das nossas mulheres e mães

Mãe: oito razões para conquistar esse título

25 de julho de 2013

Mulheres revelam por que ser mãe foi a melhor coisa que aconteceu em suas vidas

Dicas de vídeos para as crianças

4 de março de 2013

As maiores especialistas no assunto (as mães) contam pra nós quais são os vídeos prediletos dos pequeninos e o resultado é uma lista que garante a diversão da meninada.

Galeria Mulher e Mãe