Depois / Durante

Noites sem dormir e meu cansaço materno Como é que a gente aguenta? Carol Baggio

1 de maio de 2013

Noites sem dormir e meu cansaço materno

Sono... ficar sem o merecido descanso acaba comigo...

Se um dia eu participasse de um reality show (alô, Boninho!), com certeza iria para o paredão se a prova de eliminação fosse daquelas de resistência, que exige que o participante fique acordado por toda a madrugada. É sério: posso ficar sem banho, com fome ou até algumas horas sem falar (tem mulher que não consegue rs), mas ficar sem dormir, morrendo de cansaço, juro, é quase que um teste para averiguar minha sanidade mental.

A grande questão é que, com a maternidade, dormir (no estilo urso de ser, ou seja, hibernando) vira artigo de luxo. Se o bebê é recém-nascido, há de se esperar um tempinho até que o novo ser nos diga qual será seu ritmo de vida. Se é um pouco mais velho, acorda com pesadelos, ou porque quer ir pra cama dos pais, ou fazer xixi. Sem contar as vezes que não conseguem dormir por estarem com nariz entupido, gripe, febre, cólica & afins. Ah, já ia me esquecendo das horas das mamadas – apesar de ser uma delícia amamentar (pra mim, foi), tem hora que a gente tem sono, preguiça…

E vira uma bola de neve: sem sono eu fico irritada. Irritada eu fico sem paciência. Sem paciência eu fico intolerante. E com pouca tolerância, qualquer choro, manha, birra – chamem como preferir! – vira faísca: acende meu pavio de “menas mãe” e me tira do eixo. O resultado é catastrófico: quem aí já deu aquele berro com a cria – e depois foi chorar, no banheiro, cheia de culpa? Eu sim, e é horrível isso.

Confesso que eu tinha um outro tema em mente pra escrever por aqui, mas depois de uma semana sem dormir por causa de uma garganta inflamada da filha – e a ausência do marido, em viagem – não conseguia pensar em outra coisa a não ser meu cansaço materno e  minha necessidade em ter uma noite (decente) de sono.

E para vocês, ficar sem dormir é um dos dramas da maternidade?

Deixe o seu Comentário


  • Ana paula

    Eu to me sentindo péssima hoje num dormi nada, minha bebê com febre e pra completar,dei um remedinho pra ela e quando ela melhorou quis ficar brincando até quase amanhecer; mas valeu a pena pra ver o sorrisinho no rosto novamente,apesar de eu ter que levantar cedo pois trabalho com vendas e tenho uma encomenda pra receber e o correios num tem horário certo pra entregargar… Afff


Editoriais em Destaque

Visita na maternidade: o que fazer

30 de setembro de 2013

Saiba o que fazer e como não agir neste momento delicado - e claro, feliz

Dicas de vídeos para as crianças

4 de março de 2013

As maiores especialistas no assunto (as mães) contam pra nós quais são os vídeos prediletos dos pequeninos e o resultado é uma lista que garante a diversão da meninada.

Deixe o sentimento político renascer

21 de junho de 2013

Você quer entender melhor o momento político pelo qual estamos passando? Então, dê uma olhadinha neste post! Ele explica de um jeito fácil e acessível a situação atual de nosso país.

Festa infantil em casa ou em buffet?

2 de setembro de 2013

Conheça as vantagens e as desvantagens de cada opção

Galeria Mulher e Mãe