Depois / De mãe para mãe

Dicas para desfralde O seu filho está pronto? Mulher & Mãe

29 de janeiro de 2013

Dicas para desfralde

Não se deixe pressionar pela idade da criança, porque é preciso que mãe e filho estejam preparados para essa fase tão importante.

Os bebês crescem, ganham autonomia, descobrem o mundo e chega o momento em que precisamos de dicas para desfralde.

Por isso, perguntamos para as nossas queridas mulheres e mães quais eram as dicas para desfralde mais preciosas. O que elas aprenderam está logo abaixo. Vamos?

A criança está pronta?

O primeiro ponto é verificar se a criança está pronta para o desfralde. Como fazer isso? Verificando a listiha abaixo, que está no livro ainda não traduzido “The No-Cry Potty Training Solution” (Soluções para um desfralde sem choro), da autora Elisabeth Pantley.

De acordo com a autora, a criança está pronta para o desfralde quando:

  1. Avisa quando faz xixi ou cocô na fralda, pede para trocar;
  2. Muda comportamento quando está fazendo cocô (para, se concentra, vai para um canto, debaixo da mesa, etc);
  3. Os cocôs do seu filho são previsíveis, sempre na mesma hora do dia?;
  4. Quando acorda de uma soneca, a fralda está geralmente seca ou quase seca?;
  5. Entende o significado de palavras como molhado, seco, limpo, sujo, xixi, coco, pinico, fralda, etc;
  6. Entende e atende pequenos pedidos como: guarde o brinquedo na caixa;
  7. Nota quando alguém está usando o banheiro, fica curioso, quer dar descarga;
  8. Consegue ficar períodos de poucas horas com a fralda seca;
  9. Tem entre 24 meses e 30 meses ou mais;
  10. Tem um bom vocabulário, se comunica bem;
  11. A criança tem certa independência, quer fazer tudo sozinho, por roupas, por suco no copo, etc.

Além disso, você deve se fazer as seguintes perguntas e pensar bastante sobre as respostas:

  1. Quando seu filho quer fazer os itens acima, você tem paciência de ensiná-lo, ou prefere fazer por ele pois é mais rápido e fácil?;
  2. E você, mãe, está cansada de trocar fraldas, ou no fundo não se importa ainda com isso?
  3. Existem mudanças de rotina na família em breve, irmãozinho chegando, viagens, etc? Se sim não é o momento certo.
  4. Você considera o desfralde porque: alguém te disse que está na hora, seu filho está com quase 2 anos, seu instinto diz que seu filho está pronto para isso, a escolinha do seu filho requisita o desfralde, ou porque seu filho está interessado e já pediu para usar o penico ou ficar sem fraldas mais de uma vez?

(tradução: Andréia Mortensen)

Bom, se você encaixou seu filho ou filha nos tópicos acima, chegou o grande momento de largar as fraldas e como você vai precisar de um apoio emocional e um carinho amigo, selecionamos algumas dicas de mães que já passaram pela fase.

Hora das dicas das mulheres e mães

Ande “armada” com paninho e desinfetante. Brigar e falar demais não vai adiantar e só fará piorar. Um simples “que pena” já dará o recado dá sua decepção. O melhor é não dar atenção às poças pela casa e fazer a maior festa quando o xixi for feito no lugar certo.

Milene Massucato, mãe do Nicholas

Colocar a criança no vaso/penico várias vezes, sempre dizendo “vamos fazer xixi” ou “vamos fazer cocô”.

Rose Misceno, mãe da Luna

Apesar de algumas pessoas não recomendarem, é possível dar recompensas (como adesivos, biscoitos, etc) a cada vez que ele fizer suas necessidades no lugar certo. Se a criança estiver doente, é melhor adiar e deixar para outro momento. Entender que podem haver deslizes e retrocessos, não se aborrecer demais com isso. Estar preparada para lavar 48319358937452394857 cuecas e o chão junto. Não usar aquelas fraldas pull-ups que só atrapalham (pois a criança não é boba e sabe que está de fralda).

Elaina Furlan, mãe do Davi e do Daniel

Se a criança já pede para ir fazer xixi, dá para aproveitar para fazer o desfralde, sempre incentivando. Nesses casos, em que a criança está realmente disposta, dá até para tirar também a fralda noturna

Gisele Garcia, mãe da Manuela

Dar uma calcinha/cueca como incentivo. Respeitar se houver retrocesso por causa da chegada de um irmãozinho
Michelle Imilio, mãe da Lara e do João Frederico

A criança tem o tempo dela e de nada adianta a nossa ansiedade. Pelo contrário, eles sentem. Essa simbiose mãe – filho é forte demais. As criaturinhas captam as nossas neuras. E aí tudo fica mais complicado.

Glaciana Nunes, mãe do Eduardo e do Luca

E agora, você acha que está mais preparada? Não deixe de conferir a postnovela da Fabi Deziderio: a verdade nua e crua sobre o desfralde. Divirta-se!!!

Um grande beijo.

Conteúdo feito por Tatiana Passagem e atualizado por Fabiana Deziderio.

Deixe o seu Comentário


  • agata

    Devo passar a noite levando minha filha ao banheiro?
    Ou isso não resolve…


Posts em Destaque

Cap. 50 – Banheiro de estádio

18 de abril de 2013

Essa postnovela é uma homenagem a todas as mães de garotões desfraldados. Tem uma coisinha, um detalhezinho que acontece, que ninguém comenta :) Vem que tem Fragmentos da Vida Materna.

Finding Ultimate Custom Composition Writing Services

28 de maio de 2017

The option here regarding most travelers don’t are aware of is which experts claim the run of the mill writing experience isn’t at effect which. You’re not ever drafting, together with brainstorming. That can only be the gadgets you

A volta ao trabalho e a greve de fome

28 de maio de 2013

Voltar a trabalhar é um desafio para toda mulher depois de ser mãe, não importa a idade do filho, a readaptação sempre exige muito jogo de cintura!

Cap. 5 – Banheiro

8 de março de 2012

No episódio anterior passei por um certo mau humor na hora de colocar um biquíni. Se perdeu esta briga mental estilo ultimate fighter é só clicar aqui. Episódio especial para semana Mulher e Mãe: Banheiro Começo este folhetim on-line

Galeria Mulher e Mãe